terça-feira, 8 de outubro de 2019

Houve Festa da Caricatura na Lousã

A caricatura voltou a ser rainha no dia 5 de outubro, na Lousã. Ao todo, foram 11 os caricaturistas que "tiraram a pinta" a todos quantos se deixaram retratar. Conforme as fotos documentam, Carlos Sêco marcou presença e procurou espelhar no papel a verdadeira alma dos caricaturados. Parabéns ao Trevim, Humorgrafe, Câmara Municipal e a todos os caricaturistas por este fantástico evento que voltará à Lousã em 2021, voltando a animar o Parque Carlos Reis.
A edição deste ano contou com a participação de caricaturistas nacionais e estrangeiros. De Espanha vieram Omar Perez, Malagon e Kap, e de Terras Lusas são o Zé Oliveira, Pedro Ribeiro Ferreira, Onofre Varella, Luís Costa, Mário Teixeira e Santiagu que deliciaram os presentes com a sua arte.
Obrigado à Ana Souto pelas fotografias.




Cartunes de Carlos Sêco em exposição na Escola Secundária da Lousã



"Humor Beirão" é o título da exposição que está patente no bloco A da Escola Secundária da Lousã. Trata-se de uma mostra de cartunes da autoria de Carlos Sêco que têm sido publicados no jornal Trevim. O autor marcou presença no dia 20 de setembro, dia da inauguração, e contou com a apresentação do cartunista Zé Oliveira, autor do Broncas. Carlos Sêco salientou a importância desta exposição, tendo em conta que "foge dos lugares convencionais, que são os museus, apostando numa escola, ao mesmo tempo que vai ao encontro dum público-alvo específico, neste caso, os jovens". Os cartunes podem ser apreciados pelo público em geral até ao dia 18 de setembro. A iniciativa está inserida na Festa da Caricatura, numa organização conjunta da Cooperativa/jornal Trevim, Humorgrafe e Câmara Municipal da Lousã.


Depois das eleições volta a normalidade

Foram 21 partidos. Todos eles - uns mais do que outros - fizeram campanha, espalhando propaganda por tudo quanto é sítio. Depois da euforia, voltamos todos à nossa vidinha, sem esquecer que há vidinhas piores do que outras.

A carne de vaca na Universidade de Coimbra

A tradição já não é o que era na cidade que tem mais encanto na hora da despedida.

Guerra pela água

Os recursos não são infinitos. Urge tomarmos medidas para não chegarmos ao momento em que só restará uma gota para tanta gente neste planeta a que chamamos Terra.

Um Boris à imagem de Trump

Boris Johnson e Donald Trump devem ter estudado pela mesma cartilha, além de frequentarem o mesmo cabeleireiro.

E a Gronelândia aqui tão perto

Como diria António Variações, "Estou bem aonde eu não estou" e por este andar, por causa das alterações climáticas, não estaremos bem aqui em Portugal, nem na Gronelândia...


Incêndios na Amazónia: a culpa é do Álvares Cabral

Há coisas em que o presidente Bolsonaro é bom: arranjar um culpado é uma delas.